Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Glória Póstuma

Cansado estou, meu Deus, dessas amarguras
Da vida; meu viver é tão tristonho!
Horas vazias, tantas as agruras,
Só pesadelos tenho quando sonho.

Não há sol, as noites são mais escuras,
Não há jardins, só deserto medonho,
Busco tornar férteis terras tão duras,
Mas é inútil tudo o que proponho.

A frustração é minha acompanhante,
Não se separa de mim um instante.
Oh! Minha luta é vã, de triste história.

Oh, Criador, este é vosso segredo?:
Fazer de mim um simples arremedo,
Estando na outra vida minha glória?
JOÃO OSMAR
Enviado por JOÃO OSMAR em 11/03/2006
Código do texto: T121897
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
JOÃO OSMAR
Salesópolis - São Paulo - Brasil
87 textos (6405 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 00:18)
JOÃO OSMAR