Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SENTENÇA SEM RECURSO...




Queria esquecer completamente,
o que lembrar desejo mas não consigo.
Insisto, luto com meu inconsciente,
persisto, regrido e até o sonho persigo!

Porque sei que há algo que devo entender
para resolver minhas dúvidas e anseios.
Recuo, retrocedo, tudo tento para esquecer
ou recordar, mas só encontro novos receios!

Ignoro o porquê deste enleio, desta vertigem,
quero conhecer a minha fonte a minha origem,
desvendar os meandros do meu percurso…

Com este invólucro, não está de bem o meu ser
e confrange-me que assim seja sem o parecer…
Realidade ingrata… sentença sem recurso!...
HELENA BANDEIRA
Enviado por HELENA BANDEIRA em 01/04/2006
Código do texto: T132311
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
HELENA BANDEIRA
Portugal
397 textos (11666 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:35)
HELENA BANDEIRA