Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MAR, NAVEGAÇÃO, NAUFRÁGIO E ESPECTADOR
(PENSANDO COM HANS BLUMENBERG)



A Metáfora do Mar,
como algo...
indeterminado!...
O imenso...
O desconhecido!...
pelo homem ansiado:
no desejo de conseguir
o Saber Total atingir!
mas o poder lhe é negado.

Esse mundo desconhecido
não pode ser explorado
pelo homem cuja linguagem
tem poderes limitados
não deixando que o alcance!
E tirando-lhe a chance
de um conhecer tão sonhado.

E como enfrentar o poder
desse mar desconhecido
sem ultrapassar os limites
que foram estabelecidos,
se o parco conhecer do homem
não o deixa ver
com a clareza devida?

O que se faz necessário, então,
para navegar
no barco da vida que
está quase a naufragar?
Pois o timoneiro, relapso,
largou o barco à deriva...
ao sabor das ondas do mar?!

E o Mar...
revolto... zangado...
esse Universo sem par!
domina o barco da vida,
essa vida irregular
de paixões indefinidas,
que não consegue esquivar-se
das ondas de emoções
que faz o barco da vida, frágil que é, naufragar.

Porém...
o bom timoneiro
não esquece o seu dever!
Enfrenta a fúria marinha e ao Poseidon, faz ver
que O poderá enfrentar
sem mesmo vir a tremer:
como um observador
do que está a ocorrer.
Pois sabe que é parte do todo
e que jamais irá morrer.

Mas...
é preciso lutar
lutar pra se defender
da saga do deus marinho
que aos náufragos faz morrer
se não sabem desprezar
o excesso de bagagem
que os faz,
portanto,
afundar.
E procura fazê-los ver
que o que importa não é
a bagagem - a roupagem
que ao homem vem aquecer,
mas o que está dentro dela!
Ou seja: o seu próprio SER.



Rosa Ramos Regis - Natal/RN - 2000

 
Rosa Regis
Enviado por Rosa Regis em 03/04/2006
Reeditado em 06/10/2015
Código do texto: T133210
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Rosa Regis
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 67 anos
383 textos (153828 leituras)
1 e-livros (9 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 04:34)
Rosa Regis

Site do Escritor