Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Crise existencial

Crise existencial

Por favor, não tenha pressa
Nada existe que te impeças
De mostrar teu sorriso, teu viço
De fazer tua parte nesta peça.

Grande crise todo mundo atravessa.

Ao nos apresentar tantas faces
Fome, miséria, morte, revolução,
É a total ou final desconstrução????
Morte, dor, tristeza, confusão.

Não existem mais básicos conceitos
Tudo arde, explode, pelos ares voa.
Como palavras dentro da bôca
Ansiosas para contar seus feitos.

Apressadas para cortar a alvorada
Violentar a silenciosa madrugada
Rápidas como a dança da foice
Cortante, gemendo dentro da noite.

Densa nuvem desce sobre o planeta
Pesada, carregada, triste e cinzenta.
Quanto mais o ser humano inventa,
Mais destrói, seu habitat violenta.

Precisamos de soldados alados
Que voem além do cinza rotineiro
Destruam o denso nevoeiro
E alcancem o infinito, a glória.

Tragam uma única, solução simplória
Que nos garanta final vitória
Contra o infrator que nos agride
Seu ódio esparrama, persiste.

O ator vacila, mas sempre conquista.
Sob olhares, sob a luz, na pista
O aplauso, a explosão da multidão
E ali debaixo de nossa vista.

Desce a cortina, fecha a cena
Atrás dos bastidores, os atores
Continuam de mãos dadas
Almas engrandecidas, evoluídas.

Exímios profissionais se doam
Através de cada ato, emoção.
As peças através do tempo escoam,
Elevemos ao Criador nossa oração.

Aradia Rhianon
Enviado por Aradia Rhianon em 08/05/2006
Código do texto: T152597

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Aradia Rhianon
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
1208 textos (87675 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:34)