Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Eu... em dez versos...

Passei invernos em ária
cantando versos em atalaia
aurorescendo na luta diária
soníferos suspiros da gaia

Vi semblantes atraiçoados
em atônitos crepúsculos
de cúmplices desnorteados
com sonhos minúsculos

Andei caminhos feéricos
com bagagem em farnel
nos amores de poéticos
na boca sabores de mel

Regalei no leito embusteiro
com a imperícia cruciante
no engôdo que o primeiro
eternizasse desejo de amante

Exultei deuses colossais
em templos de galhardias
plenos em miríficos banais
na miseração das fantasias

Percorri terra montanhosa
velando na joça incredulidade
da indelével teimosia chistosa
naco de vida em qualquer idade

Conquistei mil amores
como nauta nessecitado
nugacidade de mil dores
em porfioso excitado

bailei salões vistosos
em braços de homens virís
nos corpos viscosos
ondeantes canções juvenis

Sonhei os sonhos plácidos
em discordantes capiscar
suspirando amores tácitos
no roldão de Amor lograr

Logrei méritos com lisura
herdei a égide da beleza
ceifando tramas da censura
em minha irrequieta natureza!

NENINHA ROCHA
Enviado por NENINHA ROCHA em 15/05/2006
Reeditado em 25/05/2006
Código do texto: T156868
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
NENINHA ROCHA
Guarapuava - Paraná - Brasil, 56 anos
310 textos (10915 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 08:38)
NENINHA ROCHA