Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A RUA QUE MORA EM MIM

Quase meio dia
vizinhança na espera
artesania em tapera
explosão de vida nua.
Desenho de quase rua
casco e faro de bicho
lapidação de corixo
berço de rebeldia.

Filho do desafio
herdeiro de ventanias
ruas e cercanias
traços cunhados a fogo.
Entro sem medo no jogo
refaço caminhos velhos
poetiso evangelhos
levo a vida no cio.

Flor, viço, corredor
guri, moço, razão
face nova da ilusão
pintada em cada portal.
São ruas marcando sinal
vidas versando sonhos
num desalinho medonho
do poeta criador.

Quem me vê brincando assim
céus e jornais me cobrindo
imagina que estou saindo
dum quadro de ficção.
Mas sendo real ou não
Como quem sonha e apronta
Brinco de faz-de-conta
Na rua que mora em mim.
Darci Cunha
Enviado por Darci Cunha em 20/05/2006
Código do texto: T159619

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Darci Cunha
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 60 anos
58 textos (4474 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 12:27)
Darci Cunha