Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SINTA

Sinta o acordar dos seus sonhos,
o cheiro das águas, o perfume do vento.
Sinta a cachoeira que corre por entre
suas veias, sua máquina intensa,
seu frenesi, seu estúpido momento
em que se pôs para viver.

Sinta o romper das suas cordas
seu maior medo, sua coragem,
seu instinto animal,
seu desejo mais mundano,
sua insensibilidade.

Sinta sua pedra bruta se quebrar
pelo seu chão,  seus pedaços divididos,
sua dor, sua ilusão, sinta  suas marcas
pela vida,  seu poder, o seu perdão.
Sinta o lapidar de sua vida,
seu nascer, sua renovação.

Sinta seu corpo, sua sensualidade,
Sinta seu eu,  sua maior tranqüilidade
Sinta seus passos como guerreiros à frente
Sinta o cheiro do seu sangue,
seu combustível  constante,
seu alimento perfeito, sua vida itinerante.

Sinta o seu olhar microscópico,
sua ilimitada visão,
seu sorriso mais bonito,
sua carga de emoção,
seu mais perfeito momento,
sua vida em ebulição,
seu crescimento interno
sua transformação

angela soeiro
Enviado por angela soeiro em 09/06/2006
Código do texto: T172169
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
angela soeiro
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 52 anos
88 textos (3359 leituras)
1 e-livros (36 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:57)
angela soeiro