Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O INÍCIO DO POEMA


Pensar
pulsar
e criar,
pra quando o poema começar.

Sonhar
imaginar
e amar,
pra quando em versos cavalgar.

Tecer
rever
e crescer
pra quando o poema florescer.

Percorrer
anoitecer
e amanhecer
pra quando em palavras transparecer.

__ quando despir-te completamente dos teus mistérios
ou tombar-te em prantos pelos deletérios espíritos,
quero estar contigo
profundamente estarrecido
mas
fielmente amigo,
amante,
e literalmente estreante.

Amar-te e levantar-te:
para que a prosa e a poesia
possa nascer,
livre!


wildon
12/08/2006

WILDON LOPES
Enviado por WILDON LOPES em 12/08/2006
Código do texto: T215021
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original ("você deve citar a autoria de AVIENLYW e o site www.wildon.com.br"). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
WILDON LOPES
São Paulo - São Paulo - Brasil, 57 anos
269 textos (14459 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 08:02)
WILDON LOPES

Site do Escritor