Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

      Senhor

Uma conversa à sós

não ouço sua voz

nem sei se está presente...

Estou aqui de pé

relativa fé

pedindo perdão

nem sei do quê

sempre fui pacífico

honesto

bom cidadão.

Agnóstico?

por mais rezas proferidas

em toda esta minha vida

não senti fé...

Até

o prognóstico

tens pouco tempo

é chegado o momento

de tua despedida

breve e insignificante vida...

Eternidade

que sei eu? entendo de alegrias,

arrebóis

pássaros, mares, montanhas,

rios, cascatas,

matas,

de belos dias,

de saudade.

Orei

pela salvação...

desta imunda espécie humana,

e constatei com aflição:

sobram tão poucos os que merecem,

que neste inferno padecem,

os versos de uma oração.

Lamentável, não sei

donde vim

pra onde irei...

Quero crer que no mundo

há de haver um Senhor

justo, misericordioso

bondoso

um Salvador!


Maurélio Machado
Enviado por Maurélio Machado em 24/10/2006
Código do texto: T272835
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Maurélio Machado
São Bento do Sul - Santa Catarina - Brasil
7710 textos (1652116 leituras)
2 áudios (1128 audições)
88 e-livros (6117 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 17:03)
Maurélio Machado