Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SIMPLES VULGAR... IZILDA E ROSA,FLORES

Simples  vulgar...


Colher um botão de rosa
Cultivado pelas minhas mãos,
Depositá-lo em um solitário
Cristal, assistir a magia da criação...

desabrolhar no vaso o botão.
Imaginável varinha mágica,
Flanar saltitando a tantas emoções,
Tornar-me invisível alcançando
Magotes não saber onde...

Entrando e saindo do meu mundo,
volitando na imaginação, deparando-me,
Com uma linda criança, brincando com
Amigos translúcidos...

Voejando  no topo do vendaval,
transformada em mariposa,
Repousando nas tantas flores, que
Plantei imaginando...

Fascinante espetáculo, desvendando
 enigmas, galopando  vento, recobro
sentidos, o ar aromatizado...

Espreitando o botão ora eclodindo
No cristal solitário. Vago chamado!
Simples solidão, a flor e o vaso.
Vulgar, o SER que não busca flores,
Para ser adornado...

Deth haak
24/06/2005
Deth Haak
Enviado por Deth Haak em 14/07/2005
Código do texto: T34342
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Deth Haak
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 57 anos
547 textos (65332 leituras)
50 áudios (9714 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 04:53)
Deth Haak