Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DESPROMESSA - (Homenagem a um poeta muito amigo)


Hoje inventei a despromessa.
Pendurei uma promessa
No lustre aceso sobre a cama,
Qualifiquei-a de "concreta":
Multifacetada situação a dela,
Cumprida, esquecida, um brinquedo,
Divertida, colorida, carnavalesca,
Patética: Procurei sua estética!!
Nasceu promessa
Para virar despromessa,
Senão qual a graça?
Descompromisso mais solto...
E na liberdade alegre
No teto balançando,
Entendi achando engraçada
A gratificante satisfação
Da desobrigação total.
Marília Bechara
Enviado por Marília Bechara em 27/09/2005
Código do texto: T54176
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Marília Bechara
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
19 textos (1044 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:38)
Marília Bechara