Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A sombra

Paira no meu ser sorrateira
trazendo o que não posso entender
coloca-se como medianeira
destinando todo o meu viver

Meandrosa vai me invadindo
tomando conta das minhas  vontades
e minhas forças vai possuindo
deixando-me com menos veleidades

Por vezes parece um anjo protetor
que se pôs do meu destino a se ocupar
como obra de Deus o nosso criador
que tudo faz para nos encaminhar

Outras surge-me muito mais assustador
fazendo-me temer o seu voluntarismo
parece um ser controlador
que usa sobre mim o seu magnetismo

Não vejo com olhos de certeza
o que é um companheiro inseparável
vejo o obscurantismo da frieza
de uma sombra inenarrável

A revelação de ignoto ser
em seu próprio dualismo imerso
trás-me a incógnita do viver
à sombra desse imenso universo.
milizinha
Enviado por milizinha em 27/08/2007
Reeditado em 20/05/2011
Código do texto: T625674

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
milizinha
Rio do Sul - Santa Catarina - Brasil, 53 anos
638 textos (96935 leituras)
1 áudios (274 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 17:40)
milizinha