Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Inicial

Fernanda, passo um poema que escrevi, agora, quando revisitei São Paulo e minha antiga casa, o Mosteiro de São Bento.  Espero que você goste do poema e nossos amigos também.
Abraço,
 Edson

Inicial
Edson Gonçalves Ferreira*

Quando estive no mosteiro,
E, ainda, carregava o lírio no corpo e na alma,  eu não sabia
A santidade não reside no físico
Transcende mais, muito mais
Hoje, com meus pés atolados na terra
E o corpo suado de outro corpo, sei
Humanidade pura também santifica
Afinal, foi Deus quem nos criou
E como Ele soprou o barro
Sopro com minha poesia todo mundo
E arrebato todos para a Luz.

São Paulo, 08.09.07

*Membro da Academia Divinopolitana de Letras e da Academia Municipalista de Letras de Minas Gerais.
fernanda araujo
Enviado por fernanda araujo em 12/09/2007
Reeditado em 12/09/2007
Código do texto: T648754
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
fernanda araujo
Divinópolis - Minas Gerais - Brasil
1059 textos (212319 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/10/17 16:20)
fernanda araujo