Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

prosa e verso

tinha saído daqui versos
estava incompleto
voltei parágrafos
estava acabado
em cada forma que voltei
estava inteiro
uma tinta no tinteiro
coisa que não mais se usa
talvez fosse antes a confusa
manifestação horripilante
de uma aventura
mas eu era agora a desventura
vazia de uma solução definitiva
ativa só na minha imaginação
que concebia uma conduta final
a que eu tivesse chegado

antes eu era a estonteante
reinvenção da alegria
inoportuna, às vezes,
mas nunca tardia
vadia e embriagadora
eu era a própria alquimia
de mim mesmo

mas sei que de nada fugia
(o que acontecia quando eu queria)
agora estava contido
no meu terno
no eterno conteúdo
que já está resumido
sei que vou ser mantido
naquele formato ideal
em que a fantasia só faz sentido
quando totalmente reunida
atrás do ponto final
             

Rio, 03/10/2007
Aluizio Rezende
Enviado por Aluizio Rezende em 06/10/2007
Código do texto: T682724

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aluizio Rezende
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
6796 textos (147465 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 18:57)