Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

In princípio creavit Deus caelum et terram...

Fez-se silêncio.
Denso.
Estático.

Num momento,
Silêncio
Na Terra. Espaço.

Silêncio absoluto
Silencioso momento absoluto.
Luto. Luta inútil
Sem rumo, sem prumo
De gritos, prantos inaudíveis.
Compressão física no vácuo da dor.

Explosão.
Coração, mente, parados.
Disparados.
Inútil, inútil.
Silêncio absoluto.
Frio no absoluto da rigidez presente.
Frio e rigidez mostrando-se,
Afrontando o corpo

Estático silêncio.
Afronto-te.
Desafio-te
Responde-me!

Beijo-te. Não me beijas
Afago-te. Não me afagas
És um corpo gélido, apenas?
Onde estás,
Que não és nada.
Que pareces fingir.
Duro, frio, dormindo, duro e frio?
As mãos imóveis, nenhuma resposta.

Estático silêncio.
Num momento,
Na Terra. Espaço.
Vago, vago
Estou vagando.
Na ausência de gravidade, flutuo.
Apenas flutuo.

Inútil luta.
Beijos, perdão,amor
Pranto---Explosão.

Silêncio absoluto.
Tu estás e não estás...

Meus anjos,
Meus arcanjos,
Minhas devas,
Chamei-os todos.

Meu Deus,
Meus Budas,
Minha Virgem Maria!

Tu estás e não estás.
Definitivamente
Tudo são átomos
  Quantum
Tudo é nada
Quem é Deus senão a Morte?

Regina Martins Vita
Enviado por Regina Martins Vita em 03/11/2007
Reeditado em 19/11/2007
Código do texto: T721389
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Regina Martins Vita
São Vicente - São Paulo - Brasil, 62 anos
181 textos (4679 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 06:57)
Regina Martins Vita