Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

APRENDER...

APRENDER...


Acabo de chegar a um momento crucial
Não havia como, era fatal,
Que isso fosse acontecer...
Preciso de silêncio, necessito calma,
Quem o exige é minha alma
Para o corpo não morrer.

Tem sido em vão minha procura
Já não vejo uma cura
Para essa imensa tristeza.
Fujo sempre e não tem jeito
Pois não tenho em meu peito
Aquela antiga leveza.

Busquei no amor uma resposta
E fiz dele uma aposta
Para mudar a realidade,
Nem assim fui mais feliz
Não era essa a raiz
Para ter felicidade.

Viajei, mudei de ares,
Já cruzei por tantos mares
Para achar a solução
Cada vez que viajava
Dentro de mim carregava
A mesma inquietação.

Fui amado e muito amei
Apaixonado, me entreguei,
A toda sorte de loucura
Perdi a fé em toda a gente
Tornando-me um indigente
Que nem a si próprio atura

Depois de muito sofrer
Acabei por entender
O que é aqui e agora.
Se o problema está em mim
Só vou resolver assim
Aqui dentro e não lá fora

Foi difícil compreender
Tive então que me abster
Da mente utilizar
Pensar é tatear no escuro
Meditar é silêncio puro
Para enfim me reencontrar

Para encontrar a paz perdida
Nos duros golpes da vida,
Meditar é o que acalma
Pois só entendemos quem somos
Quando enfim nos predispomos
A toques suaves na alma...

( tributo a Osho, lider espiritual indiano )


Luiz da Silva Rosa
Enviado por Luiz da Silva Rosa em 12/11/2007
Reeditado em 12/11/2007
Código do texto: T734355
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luiz da Silva Rosa
Santa Isabel - São Paulo - Brasil, 61 anos
71 textos (6896 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/10/17 22:17)
Luiz da Silva Rosa