Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Espírito e corpo

Saí  do  meu corpo, voei em espírito,
viajando nos sons da música das esferas.
Procurando sentir e reviver todos encantos,
que  existem  em  tudo que sempre se espera.

Fui seguindo altos vôos só bailando
como folha solta, levada pelo vento.
Com  destino marcado, no entanto,
senhor e sabedor do meu próprio tempo.

Meu corpo jaz parado como morto,
ficara aquém  nas brumas da noite traiçoeira.
O espírito, no entanto, livre voa e sem lamento,
nada o segura e  o retém um só momento.

Passado o  tempo  há  muito desejado,
fui seguindo procurando o meu querer.
E o corpo lá parado, como morto,
apenas espera o meu retorno pra aprender.

A evolução que se processa não tem pressa,
pois  tudo ao  seu tempo, se completa.
Para quem sabe o seu destino almejado,
nada se perde, tudo é aproveitado.

04/10/02

Vanderleis Maia
Enviado por Vanderleis Maia em 02/12/2005
Reeditado em 15/08/2008
Código do texto: T79903
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Vanderleis Maia
Imperatriz - Maranhão - Brasil
1412 textos (110780 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 08:11)
Vanderleis Maia