Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poecrônix (Saudação a Helena Sut)

Depois de obscuro tempo

Muito ocupado em não-ser

Liberto-me

Escorpião

Do cárcere que é esquecer.

E vou tomando pé do mundo

Crente em meu veneno são e furibundo,

Mas por toda banda o excesso de moléstia e iniquidade

Roubo e mal-querer

Me amortece

Me deixa tão sereno

Que recordo com saudade

Quando tinha muito o que não fazer.
Nelson Oliveira
Enviado por Nelson Oliveira em 06/02/2006
Reeditado em 19/02/2006
Código do texto: T108782
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nelson Oliveira
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 55 anos
345 textos (25595 leituras)
2 áudios (313 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:04)
Nelson Oliveira