Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Zoltec

quero saltar da bula,
sair por aí pulando muros:
não me importa se altos demais
ou negros e fundos

neste tempo louco e árido,
quero aproveitar o gozo da vida,
dias que me restam
e me arrastam para o fim

hoje choro e grito.
a dor me sangra,
a ferida não cicatriza,
o corte tem nome

estou contaminado:
fungos me devoram,
comem a minha carne,
é o festim que resta
Pedro Cardoso DF
Enviado por Pedro Cardoso DF em 07/06/2006
Código do texto: T171204
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pedro Cardoso DF
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 68 anos
4322 textos (94855 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:10)
Pedro Cardoso DF