Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sete de setembro

Série: Independência(?) do Brasil


Pátria livre

BNH produz inadimplência
FMI gera independência
Apenas para os corruptos.

Povo

De barriga vazia
E pés no chão
Rumo ao caldeirão.

Cantiga

"Marcha soldado
Cabeça de papel"
Sem soldo pro pastel.

MST

Sem terra
Sem comida
A barriga berra.

Papo

Por que chorar
Se temos independência
Para sonhar?

Desfile

Tanques nas ruas
Povo flagelado
Almas nuas.

Autoridades

Possante tanque
Não ameaça
Pilantra no palanque.



Ipiranga

Por falta de sangue
No tímido riacho
Hoje vivemos no mangue.

Elites

Usam a bandeira
De fato
Para lustrar o sapato.

Destino

Nas tropas tocava corneta
Quando voltou às ruas
Morreu na ponta da baioneta.

Caos

Tropa sem comando
De fuzil na avenida
Gera bala perdida.

Alistado

Saiu do exército
Desiludido e só
Virou soldado do pó.

Sentido!

Tropa fardada
Sem ordem unida
Atropela a vida.

Utopia

Toda criança
Acredita de coração
Na liberdade da nação.

Solenidade

A fome assola o menino
Já sem força
Para entoar o hino.
Haroldo
Enviado por Haroldo em 06/09/2006
Código do texto: T234279
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Haroldo
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 71 anos
678 textos (24821 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 20:33)
Haroldo