Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Valor de um sonho

O polo onírico é uma linha errante
Pois tu és uma luz distante, não se apaga
És uma cuhva fina que me alaga
Infinita sensção do meu instante

És a visão mais bela que me esconde a venda
Murmúrio de Zéfiro que me arrepia
Desejo de ti a liberdade que me prenda
e faça-me servo nato de tua alegria

A voz da ideologia enforca o meu delírio
De que a morte é a vida não-real
perpasso em fuga sem o lado contrário
porque somente o sonho une o inútil ao natural
lucheco
Enviado por lucheco em 06/10/2006
Código do texto: T258003
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
lucheco
Volta Redonda - Rio de Janeiro - Brasil, 37 anos
128 textos (62099 leituras)
6 áudios (1218 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:38)
lucheco