Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Poetrix de Jesus Ramos

Dois Poetrix que despertaram em mim, a vontade de escrever sobre eles. Fico feliz quando isto acontece. Como é bom poder dizer novamente: viva a poesia!!!

Para florzinha

o teu corpo, meu amor
sensualidade erótica;
uma luz divina à minha sexualidade exótica!

O título do poema deixa claro que o texto será uma declaração de amor a alguém especial, a alguém que mexe ou mexeu com a cabeça do autor. No primeiro verso a vírgula sugere uma pausa de admiração, de encantamento, de um querer maior. Deixando o verso mais delicado. “Sensualidade erótica” me fez imaginar uma paixão amorosa, uma libidinagem festiva, uma comemoração. O Poetrix permite várias leituras, assim, vislumbrei um outro verso dentro do poema: o teu corpo, luz divina. Outro destaque que faço no poema, é a questão da rima - exótica com erótica, uma rima bonita, é como se eu rimasse o bonito com o esquisito.

Os teus olhos

os teus olhos a sorrir:
são espelhos a refletir
a tua alma

O autor procurou a simplicidade para descrever os olhos da amada, mas no último verso, ele nos remete ao todo, ao corpo como sendo a própria alma daquela que o encanta tanto. A metáfora usada no primeiro verso é um belo achado.

Viva a poesia!!!
Pedro Cardoso DF
Enviado por Pedro Cardoso DF em 23/11/2006
Código do texto: T299049
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Pedro Cardoso DF
Brasília - Distrito Federal - Brasil, 68 anos
4325 textos (94900 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 18:58)
Pedro Cardoso DF