Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ETERNA INSATISFAÇÃO

Pra um inseguro coração
Tanto faz um sim ou não
Há sempre nova questão!

(Aldo Lopes)



Obrigado aos amigos, poetas e poetisas, do Recanto que me honraram postando seus belos e inspirados versos:


Sim ou Não?
Tanto fez como tanto faz
Ao eterno descontente, inquieto, sem paz.

(Kathleen Lessa)


Para um simples e frágil ser
Certas respostas se fazem saber
Quanta questão há em jogo

(Edson dos Santos)


Em eterna volição
Nunca a redenção
Na minha insatisfação

(Zélia Nicolodi)


Insatisfeito tateio no escuro
sim ou não?
Está inseguro meu coração...

(Rose de Castro - A 'POETA')


Ouvindo um SIM,desconfias,
Ouvindo um NÃO,te aborreces,
Tapa o ouvido enquanto cresces.

(Salete)


De que vale uma resposta positiva
Se quando dois corpos
Socorrem-se em cama aflitiva
Como dois desertos mortos?

(Ledalge)
Aldo Lopes
Enviado por Aldo Lopes em 26/08/2007
Reeditado em 01/09/2007
Código do texto: T624449

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Aldo Lopes). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Aldo Lopes
São Paulo - São Paulo - Brasil, 61 anos
416 textos (38034 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 11:29)
Aldo Lopes