Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Musa

Um dia,
Meu caderno,
Você pegou.
Suas mãos,
Tão suave,
Folheando o caderno,
Todo bagunçado e desorganizado.
Derrepente,
Parou de folheá-lo.
Quando vi,
Estava lendo.
Poesias que fazia,
Para a musa que tinha.
Perguntou:
-Quem é sua musa?
Ariscou um palpite.
Respondi:
-Minha musa,`
É você,ha amava.
Tu sabias,mas nem ligava.
Que eu era louco para ama-la.
FARINHA
Enviado por FARINHA em 05/02/2006
Reeditado em 16/04/2006
Código do texto: T108443

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (andré Farinha email andrefarinha-bp@hotmail.com). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
FARINHA
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 27 anos
72 textos (3677 leituras)
1 e-livros (11 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 20:42)
FARINHA