Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Melado da Vó Maria

Desde criança eu comia,
Me lambuzava,
Me aquecia,
No tacho de cobre fumegante,
Onde a rapadura ela derretia,
Sobre o fogão à lenha.
O segredo ela me revelou,
Tire a espuma todinha,
Deixa apurar o doce,
Logo o Melado vira...
Cozinhando a mandioca,
Bem do lado ela ia,
Assim quando pronto,
Melado com mandioca eu comia!
Toda lambuzada,
Cheirando a cana e fumaça,
Ia correndo brincar,
Gastar toda aquela energia,
Vó Maria,Vó Maria !
Da infância tão doce,
Hoje me lembro,
Quando o Melado eu faço,
Para a irmã caçula comer,
Vó Maria,Vó Maria!
No tacho de cobre eu vou,
Cozinhando e apurando,
Todo doce e o sabor,
Do amor da infância que passou!
Ah! Vó Maria!
 
 
Syl Signoretti
Enviado por Syl Signoretti em 11/02/2006
Código do texto: T110627

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Syl Signoretti
Itajubá - Minas Gerais - Brasil
933 textos (89323 leituras)
76 áudios (9216 audições)
1 e-livros (309 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:30)
Syl Signoretti