Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Fragilité

Fragilité

" Vie à laquelle nous aspironms comme la paix dans la fatigue" ( Fragilité)

           ***

Poderia escrever os versos mais tristes,
mas deixo-me levar pela certeza incerta de que,
ao amanhecer,
as palavras seriam como folhas secas

       e
    s
        p
            a
     l
          h
              a
          d
              a
                    s

pelo jardim florido.

Corro meus olhos ao redor,
em busca de algo capaz de firmar minha âncora,
enquanto

d
     e
          s
              l
                   i
                          z
                               a

       
                               l
                               e
                               n
                               t
                               a
                               m
                               e
                               n
                               t
                               e

a caneta pelas folhas virgens do caderno.

Não há sedução.
Apenas o ritmo compassado,
o velho hábito
de desafogar o coração, sossobrado de interrogações,
nas silenciosas folhas de um caderno..

Poderia ler IMENSOS textos,
decorar poesias,
queimar cartas antigas
ou me emocionar ao ver fotos e albuns com aroma de naftalina...

Por que o novo assusta?

              a
            i
          u
     
        g
Quero ser á
levantar vôo e não ter que retornar ao ninho,
mas eis que me aguardam os passarinhos.

Será tempo de trocar de penas,
ferir com próprio bico a pele em busca de renovação?
Afinal, sou águia ou fênix?

Indagações de um solitário coração que se descobre no
           BEIRAL.

veronica eugenio
Enviado por veronica eugenio em 14/02/2006
Código do texto: T111802

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
veronica eugenio
Cachoeiro de Itapemirim - Espírito Santo - Brasil, 55 anos
39 textos (2379 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 05:07)
veronica eugenio