Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A BORBOLETA FALOU

Evaldo da Veiga



Lindo o amor
da Borboleta que se eterniza
 em cada momento.

Vendo esse papel de carta
onde escrevi a Manhã de Nós Dois,
Manhã do nosso Amor...

Ouvindo essa Canção do Chico Buarque
" Meu menino vadio" , que chama
o Menino que fui, o Menino que sou,

ouvi a Borboleta dizer pra flor:

- você é tão linda, a mais linda que já beijei!

A Flor indignada, sentindo que lhe faziam de tola,
esbravejou: - não mintas pra mim Borboleta,
ainda há pouco te vi beijar outra Flor!

- Mas é você quem eu beijo agora, num beijo lindo desse momento!
E não existem dois momentos iguais, esse momento é só teu!
- ponderou a Borboleta.

A Flor aquietou-se em profunda reflexão;
e, após, perguntou:
-sou a mais linda que você já beijou?

- Juro que sim, meu lindo e único amor.
Você é meu amor eterno, nesse único momento de nós dois!

- Respondeu a Borboleta, com sua mais sincera declaração.


Ps. ainda há quem diga que as Borboletas não falam,
e que as Rosas são somente silêncio.

.

evaldodaveiga@yahoo.com.br
Evaldo da Veiga
Enviado por Evaldo da Veiga em 16/02/2006
Reeditado em 19/10/2006
Código do texto: T112426

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Evaldo da Veiga
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 73 anos
952 textos (313617 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 23:31)
Evaldo da Veiga