Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



MENINA ALEGRE
Evaldo da Veiga


Falando sério: VAMOS SORRIR?

Quem te ensinou esse sorriso lindo?
E esse quezinho maroto, afável e alegre?

Retive, vividamente, tuas  histórias 
ou estórias, não importam:
a do tombo na calçada, do mergulho na Lagoa,
"com vinho ou com cerveja?"
 A do calorzinho no estômago,
" lá em cima ou cá em baixo?"
E tantas outras...

Todas, maravilhosas e condizentes à alegria...
Quantas sutis reflexões!
Mas vamos falar em aprendizagem: 
como é que se faz para brincarmos com vida?
Sorrindo pra ela, mercê de tudo..., ou por nada?

Pergunta séria: só vale o sorriso, ou
somente o sorriso é que vale?
Essas frases são idênticas?

Se forem diferentes, possuem o mesmo efeito mágico,
assim como o teu encantamento?
Não, não importam perguntas. Não importa nada,

SE EXISTE  O SEU    SORRISO!

Desimporta ainda, reflexão à resposta, se o caso é sorrir:
DA VIDA E PRA VIDA!

Creio que a terapia do sorriso dependeria de um 
GRANDE TRATADO,
um tremendo esforço de entendimento.

Mas creio também, que o sorriso é algo místico,
que se agrega com facilidade e sutileza, depende...
Se é conviver contigo, bastando conviver com você...
 Eu sei que entendeu, porque entendo você, sempre.
Bem, mas em didática simples, para entendimento geral:
bastando conviver contigo e sentindo tua    áurea penetrante ?...
Assim, creio, finalmente, que o ideal é se afastar do "por quês",
e sorrir, simples e desordenadamente.

Minha doce e meiga menina: quem sabe sorrir como você,
 por certo, e antes de tudo, sabe permitir.
Posso aprender com você?   

Chegar logo, finalmente, ao epílogo
da aprendizagem  do teu sorriso,
 um sorriso somente  para  consumo feliz,
   assim  como    o teu ...

Ainda que eu, aluno infrator e ordinário,
aprenda mesmo assim, a arte do teu sorriso.
E juntinhos e alegres, sorrindo muito,
faremos do nada uma alegre e gostosa realização.
Juntos, sorrindo muito.
Juntos Amor...

VEM !!!


evaldodaveiga@yahoo.com.br
Evaldo da Veiga
Enviado por Evaldo da Veiga em 18/02/2006
Reeditado em 09/11/2009
Código do texto: T113347

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Evaldo da Veiga
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 73 anos
952 textos (313611 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 14:27)
Evaldo da Veiga