Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ser feliz sem esperança

Século XXI- final da fé na plenitude,
no sexo, no amor, na política...
Novo mundo afetivo e sexual.
Não mais sofrer pelo desamor.
Só o parcial já excita!...
A inteireza nunca chegará.
Parcialidade- única possibilidade humana.
Gozo no romantismo, na nostalgia...
Amor impossível é excitante!...
Paixão virtual- droga pesada do século...
amores irrealizados...
a dor da saudade é prazer, misticismo...
uma partícula de um todo,
alguns momentos eternos...
É bom ansiar por um clímax desconhecido...
é bom sofrer uma metafísica passional,
é bom ter saudade!...
Amor- peripécia utópica.
Felicidade é curtir a dor gozosa das recordações!...
delícia das lágrimas salobres temperando as dores...
Fim do idealismo romântico.
Quase tudo na vida termina mal.
Nenhum lugar há pra se chegar.
Amor? Só o impalpável...
Amor impossível dá tesão!...
Tentar ser feliz sem esperança.
Naza Breeman
Enviado por Naza Breeman em 22/02/2006
Código do texto: T114920
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Naza Breeman
Belém - Pará - Brasil, 61 anos
62 textos (10333 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 10:11)