Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Borboleta e o Girassol

Dias atrás, te contava a estória da borboleta, lembra?
Parei na metade, já se fazia tarde...Hoje, você terá tempo para ouvir o final.
Por entre folhagens, a lagarta observava um mundo lindo, mas tinha medo de se aventurar.
Temia o desconhecido...
Do outro lado do jardim, o Girassol a convidava para ver a beleza da vida, e com sua carinhosa insistência, fez com que aquela feia e tímida lagarta, rompesse o casúlo, para sentir como era lindo viver.

Temerosa ainda, notou que de repente seu corpo mudara.
Ganhara um lindo par de asas multicores, que com o brilho do sol, pareciam salpicadas de luz.
Começou então a voar, voar...

Encantada,ouviu o canto dos pássaros,observou o colorido das flores,a cor azul do céu.
Outras borboletas do mesmo jardim a saudavam... ela era diferente.
Ao se alimentar do néctar mágico, parecia bailar entre a rosa e o bem-me-quer...entre o cravo e a margarida...o lírio.
E ela não parou mais de voar.

A beleza, leveza e graça daquela borboleta encantou o mundo mágico daquele jardim lindo, onde seu rei, o Girassol, com suas folhas a balançar pela brisa suave, aplaudia o espetáculo da sua borboleta preferida.

Foram raras as vezes que ele a permitiu pousar sobre sua majestade. Temia que viessem a se apaixonar,pois sabia ser impossível tal comunhão.
Ela, por ser livre, continuaria a voar...
Ele, por ter raízes fincadas ao solo, jamais a poderia acompanhar.
Cíça
Enviado por Cíça em 08/03/2006
Reeditado em 10/03/2006
Código do texto: T120650
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cíça
São Paulo - São Paulo - Brasil
150 textos (12359 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:32)
Cíça