Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A NATUREZA E AS INVENÇÕES HUMANAS

No início, era apenas o homem e a natureza. A luz era o Sol, a Lua e as Estrelas. E toda essa maravilhada era espelhada pelas águas dos rios e mares. O homem tinha tempo para contemplar toda a beleza que o rodeava.
Depois, o homem insatisfeito com tudo que o rodeava descobriu o fogo e uma forma de manipulá-lo, queimou-se algumas vezes, é bem verdade, às vezes se queima até hoje.
A partir do fogo chegou a fase dos metais e elaboração das armas para as guerras. Depois de muitas tentativas conseguiu inventar a roda e através dela foram surgindo os meios de transportes.
Aí o homem foi mais longe, criou a luz artificial e esqueceu de olhar a lua e as estrelas, então decidiu voar, inventamos o avião.
Depois que voou o homem ficou narcisista, e só via a si próprio no espelho que não eram mais as águas, então começou a pensar que era Deus.
Depois de tantos inventos, desastres e mortes, o homem só consegue olhar para o céu e vê a natureza quando falta luz elétrica, então ele lembra que é humano, que não é nenhum deus e que não existe nenhuma invenção que seja mais magnífica que a NATUREZA – criação divina  para os homens.

Soliana Meneses
Enviado por Soliana Meneses em 11/03/2006
Reeditado em 11/03/2006
Código do texto: T121594

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Soliana Meneses
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 43 anos
142 textos (9677 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 22:40)
Soliana Meneses