Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto



                     Joelhos & cotovelos 

                              Rosa Pena



Quando você me namora, viro menina.Quando você me olha, viro mulher.
E você nina a mulher e faz da menina uma felina. Quando você me toca perco a noção do espaço, não sei se está alto ou se está baixo, se é planície ou planalto. Quando você me abraça recebo de volta o útero que me gerou e navego sem temor. Quando sinto sua respiração percebo as contrações de quem está prestes a nascer. Quando você me beija é a saliva de sua boca que me empurra ao mundo e nasço em mil cores gritando seu nome. Quando você me deita de forma atrevida, adolesço cheia de fome e é na ponta do seu joelho que encontro minha cereja, assim como é na ponta do meu cotovelo que você encontra o seu licor. E na mistura de nossos corpos fazemos bombons de amor. Como nos fios dos novelos, os enlevos buscam as pontas para entrarem nas agulhas e fazerem bordados que soltam fagulhas. De ponta a cabeça, bem lá nas pontas, contigo desponto ora menina ora mulher. Faça de mim o que desejar, mas me leva sempre contigo em sua cabeça. Seguramos as pontas e pagamos as contas se Deus quiser.
Rosa Pena
Enviado por Rosa Pena em 27/03/2006
Reeditado em 30/09/2008
Código do texto: T129251
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Rosa Pena
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
960 textos (1416218 leituras)
48 áudios (24765 audições)
33 e-livros (29000 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 22:36)
Rosa Pena

Site do Escritor