Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Saudade...

Triste daquele que chega ao fim da vida
e não sente saudade de ninguém...
Passou pela vida, mas não viveu.
 
Saudade...

É como o fermento para o pão,
o condimento para o alimento,
o sol para as flores,
o canto para a arte,
a poesia para a alma.
 
A saudade dói...
É um doce amargo
 
A saudade é...
Tão igual a minha própria vida:
nunca apenas doce, nunca apenas amarga...
Nunca só alegria, nunca só tristezas.
 
Saudade...

Não posso traduzir,
é um misto de sofrimento
e uma doce sensação de
sentir-te mesmo que fisicamente ausente,
mas que na lembrança,
dá gosto e sabor a minha vida.
 
Saudade...

Empurra-me para o nosso reencontro.
Quanto maior esta saudade,
mais forte é o desejo de te reencontrar.
 
Saudade...

Leva-me a sonhar contigo
e assim,
abraçar a esperança,
E este abraço entre saudade e esperança,
transforma no eterno encontro de amor,
dia em que o amor será sem dor,
será só felicidade.


Ivete Tayar
(autora)


Respeite os Direitos Autorais
Lei nº 9.610


 

Ive
Enviado por Ive em 05/04/2006
Reeditado em 06/04/2006
Código do texto: T134238
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
217 textos ( leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:03)