Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sou um poeta sem nome

Sou um poeta sem nome, sem brilho, sem charme, que descreve emoções esquecidas, alguém que faz do seu ego menor do que sou. Isso é quem sou um homem a espera de cabelos brancos que vive bons sonhos adormecidos dentro de um universo onde pedras podem ser jóias, e que produzem uma eterna crise de quem realmente sou, me dando aquelas novas e velhas razões de uma luta sem fim, como se fosse a vida.
Capitão Lemmon
Enviado por Capitão Lemmon em 18/04/2006
Código do texto: T141059
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Capitão Lemmon
Cuiabá - Mato Grosso - Brasil, 31 anos
49 textos (2389 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 02:46)
Capitão Lemmon