Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AMOR DOCE COMO UMA FLOR

AMOR DOCE COMO UMA FLOR

Encontrei um amor perdido na solidão de suas tristezas,
aproximei-me, e estendi a mão, percebi que suas lagrimas
deixava a pureza de sua alma, revestida com a beleza
de uma esperança que tinha a cor do arco íris...

Convidei- o para conhecer as flores, que nascem solitárias,
mas que vivem cercado de cores perfumando a vida
de um jardim que tem em seu mundo, a solidão das
flores enfeitando um mundo, coroado com as pétalas
que se banham na brisa da alvorada...

Passeamos juntos, pelo o bosque que tinha em sua
entrada um jardim cuidado pelas borboletas, que se
comoviam quando os colibris, chegavam para distribuir
beijo em suas flores. Pegamos uma trilha que dava volta
pelo monte onde se encontra os amores perdidos...

Chegamos ao cume de um vista que deslumbrou o amor.
E o amor percebeu que não se encontrava mais perdido;
abraçou o tempo, e foi viver junto com o amor universal,
 hoje por onde eu passo, e vejo uma cena de amor, vem
em minha lembrança, a paz que o amor encontrou neste
universo criado que foi criado para viver em harmonia...



poeta da paz
Enviado por poeta da paz em 21/04/2006
Código do texto: T142746
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
poeta da paz
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 61 anos
3694 textos (146782 leituras)
186 e-livros (26764 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 16:51)
poeta da paz