Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Surpresa

___________________________________

          Seus olhos denotavam surpresa. Afastou com um gesto o espanto e, sem mais delongas, abriu um largo sorriso. Era ele! Quanto tempo fazia que não o via? Impossível calcular. Fechou os olhos numa atitude reflexiva. Livrou-se de uma lágrima teimosa e chegou mais perto. Queria certificar-se de que não estava enganada. O passado não costuma regurgitar essas alegrias com um sabor igual...
          Era ele sim...  Reconhecia sua grandeza esplêndida. Seu farfalhar lento. Impossível não sentir aquele silêncio que o acompanhava nesses encontros. Ela entendia essa linguagem melíflua do tempo, esse conforto paradoxalmente sombrio e suave que a envolvia. Sua presença era marcante e decisiva. Seus gestos lenientes tocavam a saudade.
          Ela não conseguia falar. A emoção a devorava por dentro. Ouvia vozes antigas ressoando, ecoando em suas lembranças; aquelas coisas que se dizem nos rituais familiares. Sorrisos de crianças cintilavam em sua memória. E ela permanecia ali estática, esperando alguma resposta para aquela inimaginável surpresa. Voltava agora àquele labirinto em que amontoara dúvidas invariavelmente aflitivas.
          Até então se apoiara na poesia. Dialogara com a própria voz à exaustão.  Havia sempre esse eco latente que se agigantava e consumia suas energias, mas não se incomodava com as eventuais limitações do momento.
          Ele estava ali e sua presença se delineava nessa dança ágil, nesses gestos cotidianos. Aromas, ruídos, excessos, nudez. Sua ausência fora provocativa. Sua volta, uma retomada, mais um ciclo.
          Palavras pareciam desdobrar-se sigilosamente dentro da noite. Rítmicas, calorosas. Ela se empenhava em recompor maneiras nesse curioso recorte. Por muito tempo se refugiara num premeditado ostracismo. Perdera-se de si mesma. Anulara-se. Simplesmente vivera para soprar, respirar. Mas naquele momento sentia-se devorada em sua intimidade. Ele estava ali. Ele, o sonho.

Claude Bloc
Enviado por Claude Bloc em 02/05/2006
Reeditado em 02/05/2006
Código do texto: T149054

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Claude Bloc
Fortaleza - Ceará - Brasil
199 textos (7784 leituras)
12 áudios (1127 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 04:05)
Claude Bloc