Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Subindo a Torre Eiffel

Gramado, 30 de janeiro de 2006


Um dia tu irás saber. Um dia tu irás sentir.

O meu castanho irá ser um mal tão bem-vindo que nem parecerá ser mal. E, então tu irás esquecer de todas as outras íris coloridas em aquarela...

Sempre acreditei que as profundas transformações, tanto no ser humano como no universo, ocorrem em períodos de tempo muito reduzidos. Quando menos esperamos, a vida coloca diante de nós um desafio para testar nossa coragem e nossa vontade de mudança, aí nesse momento, não adianta fingir que nada está acontecendo, ou desculpar-se dizendo que...ainda não estamos prontos! O desafio não espera. A vida não olha para trás. Uma semana, é tempo mais que suficiente para sabermos decidir se aceitamos ou não uma avenida do destino.

E o destino me apresentou olhos castanhos e boca bem formada, coração aparentemente , entregue, palavras macias... Estou perdida!

Vamos ver em quantos pedaços o meu miocárdio vai estar no fim de tudo isso.
Espero não ter fim .:.
Janaína Poletti
Enviado por Janaína Poletti em 20/05/2006
Código do texto: T159477

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Janaína Poletti
Gramado - Rio Grande do Sul - Brasil, 56 anos
134 textos (11166 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 05:22)
Janaína Poletti