Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meus Amados Filhos
E Meus Caros Amigos

ESTA É PROFUNDA!!... 
__QUANTAS "COBRAS" VOCÊS CONHECEM?!!!

Vejam esta história do day by day:


”Era uma vez uma cobra que, começou a perseguir um pirilampo que só vivia, o tempo tempo,  para poder "brilhar" sempre mais.
Durante um tempo enorme ele fugiu, quanto pode,  rápido, com medo da feroz predadora e, a cobra, nem pensava em desistir.
E ele fugiu um dia e ela não desistiu; dois dias, e, nada: ela estava sempre no seu encalço.
No terceiro dia, já sem forças, o pirilampo parou e disse à cobra:
- Dona cobra, Vossa Excelência permite  a este pobre e cansado pirilampo fazer-lhe três perguntinhas? 
A cobra, do alto de sua impáfia, respondeu:
- Podes, inseto. Podes perguntar, verme. Eu não costumo abrir esse precedente para nenhum insignificante que nem tu, mas, já que vou te comer mesmo, podes fazer as tuas perguntas imbecis. 
E o pirilampo então perguntou:
- Dona cobra, eu pertenço a vossa cadeia alimentar?
- NÃO - vociferou o impiedoso réptil.
- Fiz-lhe alguma coisa? – continuou ele .
- NÃO– disse a cobra. 
- Então, porque é que "vossa benemerência" quer me comer? 

Respondeu ela, de impeduosamente:
- SABES O QUE É?! EU NÃO SUPORTO MAIS VER VOCÊ BRILHAR..."



Meus
Caros Amigos

São por estas e outras que existem “muitas cobras” por aí se arrastando na lama, nos pântanos, nas selvas, na selva de pedra, querendo engolir os outros, "buscando passar os outros para trás, enganando, furtando, malversando a coisa pública", achando que “tudo podem", esquecendo que, Neste Orbe, Todos, Todos Nós, estamos, por nossos pensamentos, nossos sentimentos e nossas obras, semeando o próprio futuro. 
__Eis que, neste processo da vida, no Cosmos, eternamente fértil, em se plantando, tudo dá. 

Assim, pessoalmente, prefiro buscar agir como retrata meu soneto abaixo, "tentando tirar a poeira das sandálias para estar limpo para "poder subir ao ALTO. Para o Vitor aqui, "é mais negócio”; eu, prefiro agir “como o ingênuo”, segundo a concepção das muitas "cobras" que pululam neste torrão pátrio. Enquanto elas assim pensam, se arrastando no chão,  o Vitor segue no seu barco sideral rumo à LUZ do PAI, "semeando um chão de estrelas para o amanhã", também inspirado nestas idéias: 

DA E S P I R I T U A L I D A D E

QUE BOM SERIA SE O HOMEM SÓ PUDESSE
AO IRMÃO OLHAR SEM DESCONFIANÇA,
E A NINGUÉM O MAL JAMAIS FIZESSE,
IMERSO NA FÉ E NA ESPERANÇA!

QUE BOM SERIA SE A GENTE QUISESSE
VIVER A VIDA SIMPLES DA CRIANÇA,
E FAZENDO DO FRIO O LUME QUE AQUECE,
AS MÁGOAS VARRESSE DA LEMBRANÇA!

SIM, VIVER NO SORRISO E NA ALEGRIA,
NA PAZ E NO AMOR ETERNAMENTE,
HORA A HORA, SEMPRE, E DIA A DIA!

E PARTIR, AO TÉRMINO DA JORNADA,
LEVANDO DESTA VIDA TÃO SOMENTE
A CERTEZA DE QUE NÃO FOMOS NADA.



Porto Velho, 01 de junho de 2006.

Amando a Essência Divina Individualizada Em Você, em Vocês, para Expansão na LUZ,
Aqui, Agora, Desde Sempre, Enquanto na Roda da Vida, e Além, Como Expansão Constante do Todo, na Vontade Maior, Eternamente, En Luz,

Trabalhando Por Rondônia, Pelo Brasil,
Aqui, Agora,

In Sugestão:
E que cada um de nós Seja Capaz de Doar o que não lhe for útil para o irmão próximo, pois isto será uma benção renovadora, em prol de todos os necessitados.
Saibamos que, assim, estaremos semeando no Cosmos, sempre fértil, para o nosso próprio porvindouro, em Abundância Plena, necessitados que somos, não só do Pão Físico, mas do Eterno: justo e perfeito.

Haja LUZ. Haja Ética.

Prof. Vitor Hugo Bitencourt da Silva

Sócio Fundador da Associação Rondoniense de Poesia – ACARP
Sócio efetivo e Comendador da Ordem da Confraria dos Poetas Brasil – OCPOETAS BRASIL
DOUTORANDO
Web Site: http://www.vhbbrasil.recantodasletras.com.br
E-mails: vhbbrasil@vhbbrasil.recantodasletras.com.br / vhbbrasil@yahoo.com.br

Prof Vitor
Enviado por Prof Vitor em 01/06/2006
Reeditado em 07/11/2012
Código do texto: T167409
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Prof Vitor
Porto Velho - Rondônia - Brasil
142 textos (19423 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 13:52)