Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mim e Ti

Adeus às mesmices, às rusgas.
Estou novamente aqui, mais novo,
Mais encrenqueiro e voraz
De voltas em voltas, estou a atingir,
A molhar, a extorquir.
Não importa as memórias.
Larguei um tempo de glórias
E impeli a me auxiliar,
Outro a partir,
Mirei-me no impetuoso.
Eu tenho tudo!
E não posso desmerecer outros guerreiros,
De escudos sãos, sequiosos, não!
Renitentes,
Dó de vocês,
Pensei poder seguir e, sem norte,
Emergir a cara nova
E algo a partir.
Deixo a estação, vazia em figura.
Graças ao infundado,
Temos um trato:
Serei para sempre lindo e feliz.
Cesar Poletto
Enviado por Cesar Poletto em 15/06/2006
Código do texto: T176193

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cesar Poletto
Piracicaba - São Paulo - Brasil
730 textos (34084 leituras)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 20:36)
Cesar Poletto

Site do Escritor