Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

o banco e o jardim ...



uma escalada
quem sabe uma festa de verdes
flores e cores
terras estranhas nas entranhas
topos de montanhas
florestas
queria em tudo adentrar
sem pensar me pus a caminhar

pedras
barreiras
espinhos mil encontrei ...

a dor , o sangue a me escorrer
não me faziam desistir
nem o frio e o inverno que invadiam
ou o soluçar da minha pena
e o calar-calor da tua poesia...

não adiantava perguntar
por que tantas pedras ,espinhos no meio do meu caminho
ou onde estava o leito do rio para descansar...

só Drummond poderia isto explicar...

era preciso continuar
sem nunca parar
o longe já estava tão perto
o chão tão cheio de matizes e contrastes...
o banco e o jardim ...

22/06/06
Maria Thereza Neves
Enviado por Maria Thereza Neves em 22/06/2006
Código do texto: T180264
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maria Thereza Neves
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil
3340 textos (90976 leituras)
6 e-livros (224 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 12:42)
Maria Thereza Neves