Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

fonte imagem:http://www.mtm.ufsc.br/~krukoski/imagens/surf/pororoca.jpg


Decreto rebeldia
à minha particular guerra fria,
recheada de emoção.
Para minha escravidão de hábitos,
fabrico processos mecânicos,
e mudo de vez o meu ânimo.
Para minha indisciplina caminhar,
agora, SOU RIO-MAR.
Não fico mais presa em cativeiro!
O vento comanda minha direção.
Se vou para o sul o para o norte,
é, simplesmente, uma questão de sorte.
E na extensão do caminho,
seja em subidas ou declínios,
pelos domínios que passo,
sinalizo minha intenção,
de não cair em emboscadas
que coloquem meus sentimentos
sobre o regime de escravidão.
Exploro, assim, as estradas.
Não tenho mais medo de nada.
Não sofro mais com a invasão
dos desejos secretos de meu coração.




.











Rosa Berg
Enviado por Rosa Berg em 24/06/2006
Reeditado em 24/06/2006
Código do texto: T181785

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Rosa Berg
Juiz de Fora - Minas Gerais - Brasil
509 textos (71859 leituras)
30 áudios (5857 audições)
2 e-livros (2212 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 22:31)
Rosa Berg