Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amor

O forte impacto que tu causaste
Quebraram os alicerces
Que sustentavam meu coração
Ó amor! Por que fizeste isto?

Cegaste os olhos que podiam enxergar o além mar
Ensurdeceste os ouvidos que ouviam os cantos angelicais
Cerraste os lábios que permitia expressar
Qual dom superaria o amor em muito mais?

Ó amor!
Dai a mim a benção de gozar a paz
Ó dor!
A maldição que ao me fazer amar quem da minha lembrança não se apraz

Suas artimanhas são tal e qual labaredas
Que brincam e destroem
E teus prazeres são nossas alegrias
Pois é tão bom o amor, que o deixamos que nos domine

Ora, que só tu fostes capaz de me deixar assim
Louco a ponto de dar o nó da minha própria forca
E afiar a lamina que era destinada a mim
Amor, tu és assaz necessário, mas pode até matar com tua força

Obs. Escrevi antes de conhecer a minha querida e amor da minha vida. Escrevi num tempo dificil que graças a ela consegui superar. Sou grato ao amor dela por mim e a amo muito.
AOV
Enviado por AOV em 27/06/2006
Código do texto: T183424
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
AOV
São Paulo - São Paulo - Brasil, 37 anos
12 textos (444 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 04:32)
AOV