Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Brindemos...


Brindemos!
Ao olhar  renovado que
as manhãs nos entregam
Às chuvas que chegam   piedosas
A regar   corações  ressequidos
Brindemos à noite que foi  nossa cúmplice
Ao tapete da sala que acolheu nosso amor
Aos copos quebrados que  os cacos juntaram
Enterraram  revolta ,trouxeram  calor...

Brindemos aos sonsos poderes da lua
Àquela que fica na rua
em noite de grande esplendor
A olhar bem marota nossos passos incertos
Os  tropeços  enroscados em laços desfeitos
Que geram  alguns bons  pedaços mal feitos
Em intensas  noites de amor...

Brindemos à minha paciência mesquinha
Que faz troça , faz trovas  de  mentirinha
Bem ao nosso favor
Brindemos a seus tontos passos insanos
Aos roucos , ferozes  enganos
A isso  sem nome ,  sem base, sem teto
quase mesmo  sem   classe  , sem fundo
Que inventamos com  grande ardor ...

Brindemos!

Esqueçamos assim um pouco do mundo.
Tudo vale se não existe rancor.


luferretti
Enviado por luferretti em 12/07/2006
Código do texto: T192578
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
luferretti
Limeira - São Paulo - Brasil
367 textos (13119 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 09:39)
luferretti