Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Coração Kamikase

Meu coração kamikaze não se cansa de mergulhar no infinito em busca de novos amores. Meu coração suicida e desesperado, tenta encontrar seu gêmeo, seu duplo. Que busca insana, as vezes é febre e ferve minhas entranhas, me queima por dentro, desacata a razão. Parece ter sete vidas esse meu coração, que apanha e apanha...se levanta e briga. Gato, que mesmo arremessado de alturas impensadas, cai em pé, nas suas quatro patas felinas e firme, curioso, segue em frente. Que coração rasgado, músculo cansado de pulsar e clamar por nova paixão. Se revolta e bate apressado, quase pulando para fora do peito, em ritmo descompassado, todo sem jeito, desastrado. Parece estar quase parado de tão assustado, mas é queda livre de novo. Mais um vôo kamikase. Mais um suicídio. Esse coração que é pássaro, que vôa procurando o calor, calor de novos braços, torpor de novas paixões. Esse coração é Fênix, que das cinzas se levanta, e sempre pronta para das cinzas, surgir outra vez.
Mari Mérola
Enviado por Mari Mérola em 20/07/2006
Reeditado em 02/08/2006
Código do texto: T198434
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Mari Mérola
São Paulo - São Paulo - Brasil
29 textos (2256 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 19:56)
Mari Mérola