Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

(imagem de Carlos Manuel Pereira, www.thousandimages.com)

PERFUME DE UMA MULHER...

              
 Um cheiro e você viaja. Volta a frequentar lugares que visitou tantas vezes, melhor dizendo, lugares que habitou longamente. 

               Um cheiro e você enche os pulmoes de um amor tao teu conhecido, feito de pétalas aveludadas em forma de línguas que, desde o mais remoto sempre já se conheciam de tal modo que sabiam a hora certa do toque, o momento de lamberem-se como a um sorvete dos mais finos, o exato instante de engolirem-se, mortas de uma fome de desejo de mil anos , quando nao tinha se passado muitas vezes poucos minutos.
 
               Um cheiro e você pode ter visoes: a curva aprofundada de uma depressao geográfica acinturada logo abaixo de dois morros que transbordam por decotes que alimentam seus olhos, que se transformam em vulcoes de faíscas.

                Um cheiro e suas visoes chegam ao tato: uma camada aveludada que cobre toda a extensao desse vale onde encontravas teus prazeres muitas e muitas vezes, horas a fio, sem querer descanso. O descanso era o prazer. Ou vice-versa...

               Um cheiro e mais nada. Paris? Vá apurando o olfato. Quem sabe um dia você  chegue lá...

PS: CONTINUO NAO ACHANDO O TIL...HELP!!!
Débora Denadai
Enviado por Débora Denadai em 25/07/2006
Reeditado em 25/07/2006
Código do texto: T201675

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Débora Denadai
Caracas - Distrito Federal - Venezuela, 54 anos
722 textos (154014 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 10:28)
Débora Denadai