Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um Ser Diferente



O poeta não fala, ...Declama.

Não escuta aos outros,
... Interioriza as expressões alheias.

Não dorme,
... Projeta as inspirações no inconsciente.

Não acorda,
... Transfere os sonhos para a realidade.

Não ri,
... Traduz a alegria na comunicação.

Não chora,
... Lava a alma.

Não mente,
... Propõe verdades diferentes.

Não sente medo,
... Argumenta com expectativas negativas.

Não pensa,
... Dá evasão ao espírito.

Não se cansa,
... Delinha em versos silenciosos.

Não admira nem critica,
... faz uma crônica.

Não muda de opnião,
... Edita a sua poesia de vida.

Não perde,
... Se livra de alguns temas.

Não se alimenta,
... Respeita a sua matéria corruptível.

Não respira,
... Tem constrações involuntárias de emoção.

Não ama,
... Encontra a rima perfeita para o coração.

Não toca,
... Propõe o encontro do físico e da sensibilidade.

Não morre,
... Rompe a veia poética e, oferece à sua alma a última e maior sensação de liberdade.



                            * * * * * * * * * * * * * * * *

Nota da autora: Há alguns dias li um texto muito interessante,defendendo com termos científicos,que as atitudes de um  biólogo tinham uma conotação diferente em relação as executadas pelas "pessoas comuns" em geral.
        Com maior justiça,tento exaltar nesta prosa os poetas que,assim penso, interagem com a vida de forma ainda mais especial e diferenciada,já que todos os seus atos são potencializados por sentimentos.
Heli Paula
Enviado por Heli Paula em 26/07/2006
Código do texto: T202674
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Heli Paula
Campos dos Goytacazes - Rio de Janeiro - Brasil, 38 anos
225 textos (9589 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:36)
Heli Paula