Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Lembrete

Ela se sentia tão sozinha, e ninguém nem sabia.
Uma princesinha, presa em seu mundinho imperfeito, com mãe, pai e contas pra pagar!
Nesse sentimento abstrato, sem tato, corpo, nem mãos, acredito em amor, vida juntos, coração.
E suas lágrimas como chuva, corriam. Limpavam o coração já tão cansado e abatido, ao som daquela música tão triste, pra chorar e também sorrir, que você disse que é pra mim!
Fico aqui imaginando você, nessa vontade de te ver que não passa.
E é tudo tão novo, nem parece que em uma outra vida meu coração antes já bateu.
Escolhi meu caminho, optei por você! (só não deixe que eu venha a me arrepender!)
Cuida de mim, me dá colo, atenção! Abraço de urso, beijo... e seu coração!
E o outro? Fico lá pra trás, com seu coração ocupado, sem espaço pra mim.
Obrigada por você...
Ela se sentia tão sozinha, e ninguém nem sabia.

MilaCampos
Enviado por MilaCampos em 28/07/2006
Código do texto: T203581
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
MilaCampos
Sorocaba - São Paulo - Brasil, 31 anos
7 textos (132 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 05:51)
MilaCampos