Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Nebuloso


Em  certos dias  pesadas nuvens trazem
um emplastramento dos sentidos.
A visão turva procura entre a bruma a paz
que se ausentou. Sumida ave aquietada que pousou.
Borboleta aplacada  não ousou...

O azul do mar então enegrecido ,
morrendo em ondas de melancolia ...
em altos morros  gélidos se  transformou.
Não adianta  tentar um aquecimento.
Há que curtir o frio e a dor até o  fim !
Senti-los devagar dentro de mim.

Encarando-os  de frente a extinguir
num resquício de esperança ,o porvir...
Pensar que o vento  outro dia vai trazer
alguma lufada  amornada de prazer.
Um céu azul e sol  irão  aparecer.
Tudo  vai passar enfim ...
Pois todo  coração poeta  alcança
a alegria e paz  que necessita.
É como alma de criança: num momento
reverte o pensamento ,desvia o seu intento.
Cria a ação.

Alguns versos  ritmados brotarão.
Verei  novamente um espaço lindo !
Nebuloso  é  apenas  um equívoco
de algo  que passou
e quase já morreu....



(2004)

luferretti
Enviado por luferretti em 29/07/2006
Código do texto: T204852
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
luferretti
Limeira - São Paulo - Brasil
367 textos (13120 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 11:59)
luferretti