Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um Instante para Lembrar

No alto, estrelas toldas beliscavam
Drenavam champanhas das veias
Almiscaradas vozes de alecrim
Cediam-nos suas pátrias florestas
E um beijo descerrou.

As jutas que à aragem pendulavam
Mascavam chicletes, sabores mistos
Pela forra, celebravam o touro na tourada
E as invertidas luzes de açúcares contraditavam-se
(Os contrastes são as especiarias da vida)
Lambuzam-se os calções, alforjes do tempo.

Meus prazeres, ourives labutando
Lapidavam a rezina esfera
Onde o mau humor lanchava (parecia calma);
A centelha a espremer da face o cravo
Levou as rosas boas à charrete
E desovou, a contra-gosto, o vinagre do jantar.
Cesar Poletto
Enviado por Cesar Poletto em 02/08/2006
Código do texto: T207417

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Cesar Poletto
Piracicaba - São Paulo - Brasil
730 textos (34092 leituras)
1 e-livros (247 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 04:17)
Cesar Poletto

Site do Escritor