Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O DILEMA

Quem sou?
Será que posso ser eu mesmo?
Será que posso livre escolher,
se acostumado estou a seguir
os passos dos homens.
Se sou um personagem
dentro de minha própria casa,
se sou apenas o número de um RG.
Um número no banco?
Se sou ser pré-fabricado,
um ser pré- determinado
se minha lógica está no outro,
não mais pertence a mim.
Cadê o meu existir?
Apenas me vejo nas verdades
alheias, cadê o que me é próprio?
Deixa eu me perder em minhas idéais.
Deixa-me ser, por mim responsável
Deixa-me assumir meus próprios atos.
Deixa-me refletir no espelho
dos meus próprios olhos.
Deixa me despir das tantas máscaras
tenho fome de mim mesmo.
Deixa-me existir, deixa-me ser.
Marlene Constantino
Enviado por Marlene Constantino em 02/08/2006
Código do texto: T207917
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Marlene Constantino
São Paulo - São Paulo - Brasil
484 textos (15205 leituras)
42 áudios (3641 audições)
1 e-livros (45 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 13:41)
Marlene Constantino

Site do Escritor